Rio das Ostras vai sediar 1ª Volta Master de Ciclismo Rio

Rio das Ostras receberá duas etapas da 1ª Volta Master de Ciclismo Rio, neste sábado, 1º de junho.

As provas de contra-relógio individual e circuito, com percursos de 80 km, 60 km e 20 km, serão realizadas na Estrada do Contorno, a partir das 9h. A competição tem início no dia 30 de maio, em Macaé, onde serão realizadas as duas primeiras etapas, com as provas de Estrada e Escalada.

“Temos uma grande parcela da população que usa bicicleta todos os dias como meio de transporte e lazer. Dentro desse contexto, queremos ampliar isso, difundir a modalidade, que traz diversos benefícios, para a saúde, o meio ambiente, o trânsito e o turismo. Além da visibilidade, as provas que estamos recebendo contribuem para motivar nossa população. O trabalho não para, mas o resultado é bastante positivo”, comemora o secretário de Esporte e Lazer, Alberto Moreira Jorge.

Esta é a primeira vez que o Estado do Rio de Janeiro receberá uma volta ciclística da categoria Master. “A categoria conta com os verdadeiros amantes do ciclismo. A maior parte formada por pessoas com outras profissões, que investem tempo e dinheiro para pedalar. São essas pessoas que movimentam o mercado do ciclismo no mundo. Nada mais justo que dedicar esse espaço a eles”, explica Eduardo Almeida, do grupo BikeROs, organizador da prova.

A Volta Master de Ciclismo do Rio faz parte do calendário da Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro – Fecierj e do ranking estadual. A prova é realizada pela Prefeitura de Rio das Ostras, Fundação de Esporte e Turismo de Macaé (Fesportur), Grupo BikeROs, Confederação Brasileira de Ciclismo (CBB) e Fecierj.

CIDADE BIKE – A Volta Master de Ciclismo Rio está inserida no projeto Rio das Ostras Cidade Bike, da Prefeitura, que promove diversas atividades envolvendo o uso de bicicletas. O objetivo é estimular o ciclismo como prática esportiva, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da população, além de promover a sustentabilidade e a mobilidade urbana. Além disso, a competição promove a imagem da cidade e movimenta o setor de turismo. O projeto visa também incluir Rio das Ostras como zona de aclimatação olímpica para delegações estrangeiras para às Olimpíadas do Rio 2016.

FONTE:
Secretaria de Comunicação Social
Departamento de Jornalismo

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.