Rio das Ostras usa arte para conscientizar sobre o trânsito

Respeito às leis é o tema de história contada por estudantes

Baseados na história infantil "Chapeuzinho Vermelho", o grupo de contadores de história da Escola Municipal Ary Gomes de Marins está usando a arte para conscientizar crianças e jovens sobre a importância do respeito às leis de trânsito.

Na história "Capacetinho Vermelho", escrita pela professora Lilia Rodrigues, o personagem título e seu amigo Lobato Gaiato mostram a importância do uso de capacete pelos motociclistas e também do respeito às leis de trânsito pelos motoristas em geral. A história será apresentada em todas as escolas municipais.

– Acho que é uma boa maneira de conscientizar os estudantes porque a arte chega mais próximo dos alunos do que uma palestra, por exemplo. Assim, eles aprendem brincando – diz Lilia, responsável pelo grupo de contadores de história, formado por alunos de 11 a 15 anos.

A criação da história faz parte do Projeto Ostrinha no Trânsito, desenvolvido em todas as escolas municipais, por meio de uma parceria entre as secretarias de Guarda e Trânsito e de Educação.

– Voltando a atenção para a educação para o trânsito hoje, iremos formar futuros motoristas mais conscientes. Em muitos casos, esses estudantes já são condutores porque utilizam suas bicicletas e devem seguir as regras do trânsito – diz o secretário de Guarda e Trânsito, Coronel Sérgio Alves Pinto.

fonte: secom – pmro. 

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.