Projeto VAI BRASIL é lançado em Rio das Ostras

Rio das Ostras recebeu na segunda-feira, dia 19, o assessor do Ministério do Turismo, Sr. Enzo Arns, para a apresentação do projeto VAI BRASIL, que tem como objetivo promover a comercialização de pacotes turísticos na baixa temporada para os diversos destinos do Brasil.

A apresentação aconteceu no salão da área do antigo camping, em Costazul, e contou com a presença do prefeito de Rio das Ostras, Carlos Augusto, do secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Alan Machado, do diretor de Desenvolvimento Econômico da secretaria de Turismo, Ayrton Violento, do subsecretário de Turismo de Cabo Frio, Décio Souza, e dos secretários de Turismo de Nova Friburgo, Luiz Carlos, e de Iguaba Grande, Antônio Samuel.

Assistiram a apresentação também os empresários da área de turismo de toda região, o presidente da Abrattur-RJ, Stéfano Zamarato, e representantes de Macaé, Silva Jardim, Quissamã e Casimiro de Abreu.

O prefeito de Rio das Ostras aproveitou a presença do representante do Ministério do Turismo para falar sobre projetos que podem vir a ter apoio do governo federal. “Temos alguns projetos para o desenvolvimento do turismo e vamos recorrer ao Ministério para alcançar recursos. Espero receber o apoio, uma vez que estamos à disposição para parcerias em prol do sucesso do projeto VAI BRASIL”.

Enzo Arns explicou como o VAI BRASIL, que é um projeto criado pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Braztoa – Associação Brasileira das Operadoras de Turismo e a ABAV – Associação Brasileira de Agências de Viagens, vai funcionar.

O VAI BRASIL promete um aumento de no mínimo 10% nas vendas de roteiros turísticos nacionais nos períodos de baixa ocupação. Isto se deve ao fato de que esses roteiros serão oferecidos por preços 30% menores do que os praticados na baixa temporada e de 55% a 60% mais baixos do que preços verificados na alta estação. Estarão disponíveis, por mês, por meio do Vai Brasil, 600 mil leitos em hotéis, 225.620 assentos em vôos domésticos e 1.250 veículos para locação.

A comercialização dos pacotes será feita exclusivamente pelas agências de viagens cadastradas. Após a busca no portal e escolher o produto que mais lhe interessou, o usuário deve enviar a solicitação para sua agência de viagens ou para até três agências, sempre as mais próximas ao endereço fornecido pelo usuário ou de sua conveniência. Como se trata de um projeto inclusivo, o governo federal estuda parcerias para oferecer à população o acesso à Internet e a essa ferramenta, em diversos estabelecimentos prestadores de serviço público.

INTERESSE DE RIO DAS OSTRAS – Os empresários riostrenses se mostraram muito interessados em participar desta ação do governo federal, e hoje já temos quatro empresas cadastradas no projeto.

Segundo Enzo Arns, que conheceu alguns municípios da região, Rio das Ostras tem um grande potencial turístico e tem tudo para obter sucesso dentro do projeto VAI BRASIL. “Gostei de tudo que vi na cidade. Os projetos urbanísticos voltados para o turismo fazem a diferença aqui em Rio das Ostras e isso pode ser utilizado como atrativo”, comentou o assessor do Ministério do Turismo.

FONTE: SECOM – PMRO. 

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.