Prefeitura trabalha no socorro aos atingidos pelas chuvas

Equipes retiram água suja, lama e detritos das casas, além de fazer limpeza e desinfecção de cisternas e reservatórios

Assim como outros municípios do Estado do Rio de Janeiro, Rio das Ostras sofreu as consequências das fortes chuvas dos últimos dias. Além do trabalho contínuo em infra-estrutura e meio ambiente, a Prefeitura está realizando ações de emergência para atender a quem teve prejuízos com as enchentes.

Equipes da Secretaria de Serviços Públicos estão no Âncora e Vilage retirando lama das casas. Em Rocha Leão, nesta semana, já foram removidas 750 toneladas de lama, o que corresponde a mais de 30 caminhões de detritos.

A Secretaria de Saúde acionou o departamento de saneamento para retirada de água das casas, de quintais, esvaziamento de cisternas com água das chuvas e orientação aos moradores de como desinfetar os reservatórios atingidos. O saneamento tem atendido a uma média de 30 famílias por dia.

Soluções – Em reunião com representantes da comunidade, dia 26, o prefeito em exercício, Benedito Wilton de Morais, o Broder, e parte do secretariado debateram soluções definitivas para o problema das enchentes.

Participaram do encontro os secretários de Obras, Paulo César Medeiros, de Serviços Públicos, Nilton Teixeira e Ivan Noé e Dorian Teixeira, representando os secretários de Meio Ambiente e Bem-Estar Social respectivamente, além de técnicos da Prefeitura, que ouviram e esclareceram a população.

         "Eu perdi meus móveis e roupas, estou triste. Mas, eu já consegui apoio da Prefeitura outras vezes, temos água… cheque cidadão… Acredito que teremos uma solução definitiva", disse a aposentada Cenira dos Santos, moradora do Vilage, que vive há sete anos no município.

Como resultado do encontro, foi proposta a criação de uma comissão permanente, reunindo Prefeitura e líderes comunitários para debate e viabilização de soluções para o problema das enchentes.

FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.