Arena Cross reúne seis mil pessoas em Rio das Ostras

Etapa marcou estréia de três categorias na temporada da competição nacional

A fraca garoa não conseguiu espantar as 6 mil pessoas que lotaram as arquibancadas para acompanhar a segunda etapa do Arena Cross temporada 2007, realizada sábado, dia 14, no local da festa agropecuária. Emoção, adrenalina e equilíbrio entre os cerca de 100 pilotos de cinco categorias marcaram a segunda edição do campeonato nacional, que foi disputado em Rio das Ostras.

A etapa de Rio das Ostras marcou as estréias das categorias 50 (crianças de 5 a 9 anos), 65 (de 8 a 13 anos) e 85 (de 12 a 15 anos) cilindradas na temporada. Com muita técnica e agilidade, a garotada garantiu a festa do público presente.

Na 50cc, a vitória ficou com Leonardo Neto (SC). O paulista Djama Brito chegou em segundo lugar e o mineiro Bruno Pinheiro em terceiro. Já na 65cc, o vencedor foi o paulista Kaio Miranda. Na segunda posição ficou o paranaense Endrews Armstrong, seguido pelo conterrâneo Eduardo Rudnick. Hector Assunção (SP) venceu na categoria 85cc, seguido pelo sergipano Rodrigo Santos Lama e pelo paulista Gustavo Takahashi.
Quem também não se incomodou com o tempo instável foi o piloto paulista Roosevelt Assunção que venceu uma bateria e chegou em sexto na outra. O paulista terminou a etapa em primeiro lugar na categoria MX1 (motos de 250 a 450 cilindradas) com 27 pontos. Rodrigo Selhorst (RO) empatou em número de pontos, mas ficou em segundo lugar na classificação pelo critério de desempate da segunda bateria. O curitibano Jean Carlo Ramos terminou a segunda etapa do nacional em terceiro lugar com 26 pontos.
Durante as provas a chuva deu uma trégua e propiciou grandes ultrapassagens. Wellington Garcia (GO) confirmou seu favoritismo na MX2 (motos de 125 a 250 cilindradas). Além de fazer o melhor tempo nos classificatórios, o goiano venceu as duas baterias, fez 41 pontos e se consolidou na primeira colocação do campeonato. Na segunda posição ficou Swian Zanoni (RJ), seguido por Thales Felix da Silva (SP).
O prefeito Carlos Augusto entregou os troféus e medalhas aos cinco primeiros colocados. O presidente da Câmara Municipal, Carlos Afonso, e o vereador Robinho também participaram da premiação aos melhores pilotos desta etapa.

A competição foi realizada por Carlinhos Romagnolli, com apoio da Prefeitura de Rio das Ostras.

Piloto – Um acidente tirou o catarinense Christopher Castro, o Pipo, da prova no final da segunda bateria da MX1. O piloto perdeu o controle da moto após saltar para completar uma volta. Na queda, o veículo caiu nas costas de Pipo, causando tensão e preocupação entre pilotos, fiscais de prova e público. Atendido com rapidez pela equipe de resgate da Prefeitura, o catarinense foi levado para o Pronto-Socorro. Após ser examinado, foi liberado em seguida sem sofrer fraturas.

 

FONTE : SECOM – PMRO.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.