Rio das Ostras realiza novos mutirões de combate à dengue

Recanto, Operário, Casa Grande, Peroba, Sobradinho Cerveja e Bosque da Praia são as localidades atendidas a partir desta quinta

Intensificando o trabalho de combate à dengue em Rio das Ostras, a Secretaria Municipal de Saúde programou mais mutirões desta quinta-feira, 28, até sábado. Toda a equipe da Vigilância em Saúde estará concentrada, percorrendo as localidades do Recanto, nesta quinta, e do Operário, Casa Grande, Peroba, Sobradinho Cerveja e Bosque da Praia no dia 1º de março. No sábado, 2, os servidores retornam a essas localidades para atendimento aos imóveis que estavam fechados.
Nessas ações, os guardas sanitários vão vistoriar cerca de 5 mil e 300 imóveis residenciais e comerciais. Além da inspeção, um grupo da Vigilância vai estar baseado no Posto de Saúde do Recanto, nesta quinta, e no Centro de Saúde de Extensão do Bosque, na sexta e sábado. Nesses locais, a equipe vai receber denúncia de possíveis focos do mosquito e solicitação de inspeções domiciliares, além de esclarecer dúvidas da população.
Durante os mutirões, os servidores estão inspecionando os imóveis, eliminando e tratando depósitos de água e orientando a população quanto a ações preventivas. Ainda distribuem folhetos informativos. Outro trabalho importante é a vistoria nas residências de pessoas que buscaram as unidades de saúde apresentando sintomas da doença. Uma equipe da Defesa Civil também atua no mutirão. As equipes da Secretaria do Ambiente continuam limpando os terrenos da cidade, para prevenir a dengue e outras doenças.

PREFEITURA ATUANTE – Segundo dados da Secretaria de Saúde, o Município conta com 2 mil casos suspeitos da doença – o que já configura epidemia pelos critérios do Ministério da Saúde (acima de 300 casos suspeitos para 100 mil habitantes). A Administração Municipal ampliou sua atuação para combater esse avanço da dengue. A Prefeitura vem realizando uma série de mutirões nos locais com maior índice de infestação do mosquito e notificações da doença. Os carros “fumacê” funcionam periodicamente durante a noite e madrugada. A Secretaria de Saúde ainda montou um Centro de Hidratação para atendimento aos doentes e novas poltronas de hidratação foram direcionadas ao tratamento de crianças e gestantes. Porém, o mais importante ainda é a mobilização de toda a comunidade contra o mosquito.

FONTE:
Secretaria de Comunicação Social
Departamento de Jornalismo

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.