Rio das Ostras é destaque em congresso internacional de Cuba

Prefeito Carlos Augusto foi o único brasileiro a compor a mesa de honra durante encerramento do evento

 

A cidade de Rio das Ostras foi escolhida para representar o país entre as 20 delegações brasileiras presentes no10º Congresso Internacional de Pedagogia de Cuba.   

O prefeito de Rio das Ostras, Carlos Augusto, foi o único brasileiro a compor a mesa de honra da cerimônia de encerramento do evento, realizado entre os dias 29 de janeiro e 2 de fevereiro. A solenidade aconteceu na última sexta-feira, dia 2, no Centro Cultural Karl Marx, em Havana, com a presença de cerca de seis mil pessoas.  Carlos Augusto compôs a mesa ao lado dos ministros da Educação de Cuba, Luiz Ignácio Gomes Gutierrez, e da Venezuela, Adan Chávez, além de representantes de outros países.

– Confirmamos neste congresso que estamos no caminho certo, ao oferecer educação de qualidade para criar cidadãos conscientes que contribuam para o desenvolvimento de nossa cidade – destacou o prefeito.

Durante a solenidade, o ministro da Educação de Cuba ressaltou a importância dos professores para a construção de uma educação de melhor qualidade. Segundo Gutierrez, todos estarão em melhores condições para aproveitar os esforços e potencialidades de cada país em educação, oferecendo aos professores maiores condições de superação.

– A educação é um direito e uma ferramenta fundamental para conquistar a transformação e o enriquecimento do ser humano – afirmou o ministro.

O encerramento do congresso contou com a participação das secretárias municipais Maria Lina da Paixão (Educação), e Márcia Almeida (Bem-Estar Social), além da diretora da Casa da Educação, Edilane Carvalho, e educadoras de Rio das Ostras.

 

RIO DAS OSTRAS É DESTAQUE NO CONGRESSO – No encontro, considerado um dos mais conceituados do mundo pelos profissionais da área, a delegação de Rio das Ostras apresentou o Programa de Educação Ambiental, destacando as ações trabalhadas nas escolas municipais para a preservação ambiental, além da infra-estrutura existente no município para garantir seu desenvolvimento sustentável.

– Trouxemos educadoras para se qualificar em Cuba, que é reconhecida mundialmente como um dos melhores sistemas educacionais. Essa iniciativa de Rio das Ostras chamou a atenção de vários participantes de outras cidades do Brasil e até de outros países –, contou a secretária de Educação, Maria Lina da Paixão.

Segundo a presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais da Educação de Minas Gerais (Undime), Suely Duque, a iniciativa do município de oferecer essa oportunidade as educadoras deveria ser um exemplo para outras cidades.

– O prefeito de Rio das Ostras está de parabéns. É muito difícil um administrador público se preocupar ativamente com a educação de sua cidade e oferecer capacitação de qualidade aos profissionais –, argumentou a presidente da Undime.

Para o coordenador do Centro de Gestão para a Educação Ambiental de Cuba, Rafael Suárez, Rio das Ostras, a exemplo do país cubano, valoriza o resgate da memória local. Suárez ressaltou que essa medida é imprescindível para desenvolver a consciência de preservação ambiental.

O presidente da Câmara Municipal, Carlos Afonso Fernandes, também presente no congresso, acredita que a partir dessa experiência as professoras de Rio das Ostras estarão mais preparadas para promover uma educação completa do cidadão.

– Através deste conhecimento, nossas professoras poderão desenvolver uma formação mais sistemática, que aborde todo o conhecimento comportamental – avaliou o vereador.

 

 

PARTICIPANTES APROVAM CONGRESSO – Durante cinco dias de congresso, as educadoras de Rio das Ostras, além de participar de cursos e ciclos de palestras, visitaram várias instituições de ensino cubanas que são referência em todo mundo. Uma dessas entidades foi Palácio dos Pioneiros Che Guevara, um centro vocacional que recebe crianças e adolescentes de todo o país com mais de sete anos.

– Foi maravilhoso conhecer todos esses lugares, em especial o centro vocacional. O local oferece oportunidades para as crianças conhecerem as práticas das profissões, garantindo subsídios para a escolha de sua vocação profissional   – comentou a diretora da Casa da Educação, Edilane Carvalho.

Para a diretora da Escola Municipal João Bento Duarte Neto, Deyse Santana, a oportunidade de participar do congresso em Havana foi sua maior realização profissional.

        Todo o conhecimento adquirido em Cuba, as trocas de experiências entre os diversos países participantes e a oportunidade de vivenciar a prática de uma educação de referência mundial é tudo o que sonhei como pedagoga que busca, a cada instante, novos horizontes – disse.

 

FONTE: SECOM – PMRO. 

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.