Rio das Ostras dá início às comemorações pelo Dia de Luta da Pessoa com Deficiência

Secretária Rose dos Santos anuncia criação de CRAS e outros benefícios para a população de Cantagalo

Rio das Ostras deu início nesta terça-feira, 19, às celebrações pelo Dia Nacional da Pessoa com Deficiência, comemorado em 21 de setembro. As atividades acontecem durante toda esta semana nos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS e nas unidades da Secretaria de Bem-Estar Social. A programação inclui palestras, apresentações artísticas e muitos debates, envolvendo a comunidade e os integrantes do Projeto Vencendo Barreiras, que promove a valorização da pessoa com deficiência no Município.

Nesta terça, as atividades aconteceram em Cantagalo, na unidade que funciona dentro do Centro de Apoio ao Produtor Rural. Para a secretária de Bem-Estar Social, Rose dos Santos, é uma ocasião importante para reconhecer a luta dos deficientes e, também, de todos que abraçam a causa. “É um dia grandioso para quem é deficiente, para quem ampara, respeita e ajuda. Para pais, vizinhos, assistentes sociais e governantes que trabalham em favor de uma causa nobre”, disse.

A diretora da Unidade de Cantagalo, Maria Edir Goulart, celebrou a participação dos integrantes do CRAS e destacou o papel dos pais na luta por melhores condições para os filhos. Pais como Sonia Santos, mãe de Grete Santos, de 32 anos, que nasceu com paralisia cerebral. “Esse apoio que recebemos é muito importante. Às vezes não sei como lidar com algumas coisas e vou para o Centro, onde me orientam com informações. Fico muito feliz”, afirma.

CONTO DE NATAL – A data também é uma oportunidade de resgatar histórias de superação. Num Dia de Natal, um Papai Noel visitou uma escola em Cantagalo. Conheceu uma menina deficiente chamada Grete, que aprendeu a ler e escrever sozinha em apenas uma semana. Interessado pela história, o Papai Noel foi à casa de Grete e lá descobriu um grande tesouro, um caderno em que ela desenhava e escrevia histórias de animais. O caderno virou um livro, que foi publicado e que hoje encanta seus leitores. Esse poderia ser só um conto de Natal, mas é uma história real.

O Papai Noel é um morador do Rio de Janeiro, não identificado, que se fantasia no fim de ano como o “bom velhinho” e distribui presentes para a comunidade. Num dos eventos realizados na escola da localidade, ele conheceu e ajudou a transformar a realidade da jovem Grete Santos, que com papel, caneta e muita imaginação expressava seus sentimentos em um caderno. Interessado, ele transformou o caderno em um livro.

“Foi uma emoção muito grande, ficamos muito felizes ao ver o livro escrito por minha filha”, disse a mãe Sonia. As assistentes sociais da Unidade de Cantagalo presentearam a secretária com um exemplar. “Vamos buscar parceiros para tentar viabilizar uma nova edição. É uma história linda, que precisa ser contada”, afirma Rose.

NOVO CRAS – A secretária Rose Santos anunciou que Cantagalo receberá no ano que vem um CRAS para atender melhor à população local. Além disso, informou que já está em processo de licitação a aquisição de um veículo para atender os participantes de projetos desenvolvidos na localidade, que também receberá uma academia voltada para terceira idade.

FONTE:
Secretaria de Comunicação Social
Departamento de Jornalismo

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.