Reunião aborda estratégias de combate à dengue em Rio das Ostras

Assessor técnico da Subsecretaria de Vigilância em Saúde do Rio de Janeiro garante ajuda do governo do estado, caso seja de fato necessária

O assessor técnico da Subsecretaria de Vigilância em Saúde do Rio de Janeiro, Mário Sérgio Ribeiro, esteve em Rio das Ostras nesta sexta, dia 11, para tratar de um possível apoio no trabalho de combater à dengue no município. O convite para a reunião partiu do próprio prefeito Sabino que esteve representado pelo secretário de Saúde de Rio das Ostras, Dr. Gilson Viana. Também estiveram no encontro a subsecretária de Vigilância em Saúde, Andreia Bellei, a responsável pela Vigilância Epidemiológica no município, Jorgina Araújo, e um dos coordenadores do trabalho de combate ao mosquito aedes aegypti, Amarildo Rios.

Mário Sérgio disse que o governador Sérgio Cabral e o secretário de Estado de Saúde, Sérgio Côrtes, estão dispostos a ajudar principalmente na instalação de um centro de hidratação, caso seja realmente necessário. “Isso vai depender de um acompanhamento e da taxa de incidência dos casos de dengue no município. O trabalho que está sendo feito é o certo, atuando na prevenção e no mapa de risco que aponta as localidades que mais necessitam de atenção das equipes. Se o município precisar, o estado dará suporte”, destacou.
O secretário de Saúde de Rio das Ostras, Gilson Viana, convoca a população para ajudar no combate ao aedes aegypti, lembrando que o problema da dengue começa a ser resolvido dentro de casa. “Temos que cuidar de nossas residências e evitar os focos”, enfatizou. Quanto à aplicação de inseticida por meio dos “fumaçês”, uma forma de atuar no bloqueio da transmissão da doença, as equipes vão trabalhar de forma criteriosa e seguindo as estatísticas apontadas pelo mapa de risco, destacando as localidades com maior índice de infestação. Essa determinação também tem como base uma preocupação ambiental, evitando assim, o uso desnecessário de inseticida.

FONTE:
Departamento de Jornalismo
Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.