Pronto-Socorro aumenta número de procedimentos em mais de 30%

Serviços foram ampliados e unidade passou a contar com psicólogo, psiquiatra e fisioterapeuta 24 horas

O crescimento da demanda por atendimento de emergência em Rio das Ostras vem fazendo com que a Prefeitura incremente os serviços. O Pronto-Socorro Municipal fechou o ano com mais de 290 mil procedimentos. O número aponta o aumento de mais de 30% em relação a 2007. Os atendimentos, como de socorristas, pediatras, ortopedistas, entre outros, chegaram a 145 mil e a unidade passou a contar com emergência em saúde mental e fisioterapia.

No ano passado foram quase 170 mil procedimentos de enfermagem. Aumentaram também os de laboratório, radiologia, ortopedia e odontologia. A unidade investiu na melhoria do atendimento, com ampliação e qualificação da equipe, como o Resgate, que agora conta com enfermeiro especializado e médico socorrista.

"Nossos investimentos em alta complexidade garantiram um serviço de emergência completo, com um Resgate qualificado, um Pronto-Socorro humanizado e moderno, a primeira Unidade de Dor Torácica do interior do Estado e, agora, com a Unidade de Terapia Intensiva. Essa rede integrada reduz o tempo de atendimento, aprimora qualidade e salva mais vidas", disse o secretário de Saúde, Sérgio Manhães.

A criação da UTI, em 2008, foi um importante ganho para o atendimento do Pronto-Socorro. A nova unidade recebe os pacientes graves, muitos deles vítimas de politraumatismo ocasionado por acidentes de trânsito.

Melhoria contínua – Aprimorando os serviços, o Pronto-Socorro passou a contar, em abril do ano passado, com psiquiatras e psicólogos de plantão. Foram atendidos mais de 4 mil e 300 pacientes da área de saúde mental.

"Neste ano, vamos manter a política de melhoria contínua, oferecendo mais conforto e atendimento de qualidade ao cidadão", afirma o diretor geral do Pronto-Socorro, Cláudio Maciel.

FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.