Projeto Cinema na Rua faz sucesso na abertura da temporada 2006

Neste fim de semana o projeto continua no Âncora, Extensão do Bosque e Centro 

Idealizado pela Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Rio das Ostras, o Projeto Cinema na Rua começou o ano de 2006 com muito sucesso junto às famílias que prestigiaram em massa, no último final de semana, o projeto em Nova Cidade, onde foi exibido o filme “A Era do Gelo 2”.

No Centro, foi batido recorde de público dos últimos seis anos de realização do programa. Na Praça São Pedro, famílias inteiras se acomodaram nas cadeiras disponibilizadas pela Prefeitura, cadeiras de praia ou até mesmo na grama para assistir ao filme. 

Nesse final de semana, o Projeto será realizado nos bairros Âncora (sexta-feira, dia 11), Extensão do Bosque (sábado, dia 12) e na Praça São Pedro (domingo, dia 13).

No bairro Âncora, o projeto será realizado na rua das Acácias (ao lado do Centro de Cidadania) e a criançada poderá assistir ao desenho “A Era do Gelo2”. No sábado, na Extensão do Bosque, o Cinema na Rua vai apresentar outro desenho de sucesso para a criançada: Madagascar, que será exibido na rua Rio de Janeiro, na Praça Ivo Pena Soares (ao lado do Senac). Fechando o final de semana, o público vai poder assistir ao filme “2 Filhos de Francisco”, na Praça São Pedro, em homenagem ao Dia dos Pais. Todos os filmes serão exibidos às 19h.

A novidade da edição 2006 do Projeto Cinema na Rua ficou por conta da nova tela para exibição dos filmes. Esse ano, o equipamento conta uma tela inflável de 80m², e ainda um projetor com o dobro de potência e definição, proporcionando maior nitidez, como no cinema.O objetivo do projeto é levar cultura e diversão a todas as localidades da cidade.

SINOPSES DOS FILMES

“A ERA DO GELO 2” –  A era glacial está chegando ao fim e, com isso, surge em todo lugar gêiseres e verdadeiros parques aquáticos. O mamute Manfred, o tigre Diego e o bicho-preguiça Sid logo descobrem que toneladas de gelo estão prestes a derreter, o que inundaria o vale em que vivem. Com isso, o trio de amigos precisa correr para avisar a todos do perigo e ainda encontrar um local em que não corram riscos.

“MADAGASCAR” – O leão Alex é a grande atração do zoológico do Central Park, em Nova York. Ele e seus melhores amigos, a zebra Marty, a girafa Melman e a hipopótomo Gloria, sempre passaram a vida em cativeiro e desconhecem o que é morar na selva. Curioso em saber o que há por trás dos muros do zoológico, Marty decide fugir para explorar o mundo. Ao perceberem a fuga do amigo, Alex, Gloria e Melman decidem partir à sua procura. O trio encontra Marty na estação Grand Central do metrô, mas antes que consigam voltar para casa são atingidos por dardos tranquilizantes e capturados. Eles são embarcados em um navio rumo à África, onde serão colocados em liberdade por um grupo de humanos que quer tirar os animais da vida estressante em cativeiro. Após um grupo de pinguins, que também está no navio, sabotá-lo, o grupo vai parar na ilha de Madagascar, onde precisa encontrar meios de sobrevivência em uma selva verdadeira.

“2 FILHOS DE FRANCISCO” – Francisco Camargo (Ângelo Antônio) é um lavrador do interior de Goiás que tem um sonho aparentemente impossível: transformar dois de seus nove filhos em uma dupla sertaneja. Ele inicialmente deposita sua esperança no mais velho, Mirosmar, e resolve lhe dar um acordeão quando completa 11 anos. Mirosmar e seu irmão Emival, que toca violão, se apresentam com sucesso nas festas da vila onde moram, mas devido a perda da propriedade onde moravam nos anos 70 toda a família é obrigada a se mudar para Goiânia. Mirosmar e Emival começam então a tocar na rodoviária local, na intenção de conseguir algum dinheiro para ajudar em casa. Lá eles conhecem Miranda, empresário de duplas caipiras, que viaja com eles por mais de quatro meses. Os irmãos novamente fazem sucesso e chegam até mesmo a cantar para 6 mil pessoas em um show no interior do país, mas um acidente encerra prematuramente a carreira da dupla. Após quase desistir da carreira artística Mirosmar decide voltar a cantar, agora usando o nome artístico de Zezé di Camargo. Ele grava um disco solo, mas não obtém sucesso. Já casado e com duas filhas pequenas, Zezé tem dificuldades em sustentar a família e o máximo que consegue é que outras duplas cantem composições suas. É quando ele encontra em seu irmão Weston, que passa a usar o nome artístico de Luciano, o parceiro ideal para levar adiante sua carreira musical.

FONTE: SECOM – PMRO. 

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.