Prêmio Prefeito Empreendedor do Sebrae

Prefeito Carlos Augusto ganha pela segunda vez o Prêmio Prefeito Empreendedor do Sebrae

Desenvolvimento do Projeto Feijão Maravilha garantiu o título para Rio das Ostras

 

Pelo segundo ano consecutivo, o prefeito de Rio das Ostras Carlos Augusto Balthazar recebeu o título do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor  pela implantação do Projeto Feijão Maravilha no município, escolhido como um dos 20 melhores projetos do Estado do Rio de Janeiro. A avaliação é feita por um grupo técnico que escolhe, nesta primeira etapa, ações bem-sucedidas, relatando práticas de gestão pública de incentivo ao empreendedorismo.

Na próxima fase do Prêmio, serão eleitos os sete melhores projetos de cada Estado para concorrer em Brasília a nível nacional, em categorias variadas.

A proposta do Sebrae/RJ é reconhecer o talento das lideranças públicas municipais e contribuir para multiplicar as iniciativas de sucesso, fazendo com que as experiências aplicadas sejam exemplos a serem seguidos por administradores de todo o país.

O Projeto Feijão Maravilha faz parte do programa Renda no Campo, desenvolvido pela Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, que tem como referência a valorização da pecuária, a fixação do homem no campo, evitando o êxodo rural, gerar renda para os agricultores, evitar que a exploração imobiliária venha desvirtuar a finalidade do uso do solo na área rural, transformar agricultores de subsistências em empresários e incentivar o empreendedorismo.

A ação da prefeitura também visa atuar como âncora do Programa Renda no Campo, criando condições e motivação para que os agricultores envolvidos se mantenham no programa. Também serve para mostrar o sucesso do grupo que faz parte do programa, motivando a adesão de novos agricultores.

O primeiro título ganho por Carlos Augusto foi na última edição do Prêmio, em 2007, na categoria “Bom Uso dos Royalties e Transferências Governamentais”, pela implantação definitiva da Zona Especial de Negócios, dotando o espaço de toda a infraestrutura necessária para a instalação das empresas.

 

FONTE: SECOM – PMRO.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.