Pilotos e organizadores do motocross elogiam infra-estrutura da etapa brasileira em Rio das Ostras

A última prova  do campeonato reuniu os melhores atletas do motociclismo do país

Pilotos e dirigentes das federações de motocross de várias partes do país destacaram a organização e a infra-estrutura oferecida por Rio das Ostras para a realização da última etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross. O evento aconteceu no último fim de semana, 15 e 16 de setembro, no Parque de Eventos da cidade, e reuniu os melhores atletas do motociclismo do Brasil.

– Rio das Ostras foi o município que ofereceu uma das melhores estruturas para a realização do campeonato brasileiro. Poucas cidades no Estado do Rio teriam condições de proporcionar uma infra-estrutura tão completa como essa – avaliou o presidente da Confederação Brasileira de Motocross, Alexandre Caravana.

O campeão na categoria MX3, Nilton Becker, o Chumbinho, também elogiou a qualidade da pista de Rio das Ostras.

– A estrutura estava fantástica. A etapa foi muito bem organizada e a pista de alta qualidade – observou Chumbinho que coleciona o maior número de títulos no motocross brasileiro.

Na opinião do presidente da Federação de Motocross do Estado do Rio de Janeiro, Alex Neves, a qualidade apresentada pelo município em toda a organização do evento foi uma das melhores vistas em todas as etapas do campeonato de 2007.

– Há oito anos uma prova do brasileiro não era realizada no Estado do Rio. Esse foi um grande retorno e isso só foi possível graças à parceria da Prefeitura de Rio das Ostras, que nos deu total apoio – destacou Alex, dizendo que a cidade pode, inclusive, ser uma forte candidata para abrigar uma das etapas do mundial do motocross em 2008.

Para o prefeito Carlos Augusto foi uma grande responsabilidade para Rio das Ostras ter sido escolhida para abrigar essa importante competição do motocross brasileiro depois de oito anos.

– Nos empenhamos muito para realizar um grande campeonato e comprovamos o nosso potencial diante do sucesso do evento. Rio das Ostras entrará para o calendário nacional do motocross – comentou Carlos Augusto.

RESULTADOS – A última etapa do campeonato contou com 150 pilotos. Na categoria 65cc (até 13 anos) o primeiro colocado foi Gustavo Rorato, na 85cc (até 16 anos), Hector Assunção e na MX Junior (pilotos intermediários), Jean Ramos. Já na categoria MX3 (acima de 34 anos) o primeiro lugar do campeonato ficou com Chumbinho. O piloto Wellington Garcia, que será um dos três atletas brasileiros a participar na próxima semana do Campeonato das Nações, nos Estados Unidos, conquistou o primeiro lugar nas categorias MX1 (motos importadas) e MX2(motos importadas até 125cc 2T e 250cc 4T).

ARRECADAÇÃO – Durante o evento foram arrecadados cerca de 4 toneladas de alimento não perecível, que serão doados pela Secretaria de Bem-Estar Social à instituições de caridade do município

A última etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross foi realizada pela Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio da Prefeitura de Rio das Ostras, e contou com a organização da Federação de Motociclismo do Estado do Rio de Janeiro e supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo.

FONTE: SECOM – PMRO.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.