O Globo aponta Rio das Ostras como a cidade que mais cresceu no Estado

Jornal divulga números do Censo 2010 e destaca o desenvolvimento sustentável do município, com investimentos em infraestrutra, saneamento, saúde e educação

 

A edição deste domingo, dia 14, do jornal O Globo apresentou Rio das Ostras como a cidade que teve o maior aumento populacional do Estado do Rio de Janeiro, de acordo com os números divulgados pelo IBGE. O município, que em 2000 tinha 36.419 habitantes, passou para 101.508, gerando um crescimento de 179%. A reportagem associa o crescimento populacional a investimentos da Prefeitura em infraestrutura, saneamento, educação e saúde, mostrando o desenvolvimento sustentável de Rio das Ostras.

E os números apresentados pelo IBGE poderão subir ainda mais. Novecentos e cinco domicílios, de um total de 54 mil, devem ser revisitados pelos recenseadores, o que poderá acrescentar pelo menos mais mil pessoas na listagem final do Censo, com publicação prevista para o dia 29.

Segundo informa a matéria, “a explosão demográfica veio a reboque da indústria do petróleo” que injetou os recursos de royalties, usados de forma responsável pela Prefeitura de Rio das Ostras. “Os recursos foram aplicados, sobretudo, em infraestrutura viária, urbanização, saneamento, educação e saúde”, descreve o jornal O Globo, citando a declaração do prefeito Carlos Augusto.

Entre os investimentos da Prefeitura, a matéria destaca a ampliação da rede de esgotos, informando que “foram implantados 50 quilômetros de tubulações, um emissário submarino e uma estação de tratamento”, atingindo assim 20 mil residências. Na reportagem, o aumento do número de alunos, que subiu de 11 mil para 23 mil estudantes em 10 anos, e a criação da Zona Especial de Negócios também são apresentados como indicadores de desenvolvimento.

O presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes, explicou na matéria que o estado do Rio reflete um fenômeno nacional: o crescimento de municípios médios impulsionados por novas atividades econômicas. “Os empregos, que contribuem para o aumento da população, porém, geralmente não ocorrem na atividade original, mas na prestação de serviços”, acrescenta a reportagem.

De acordo com os resultados parciais do Censo 2010, publicados em O Globo, Rio das Ostras, com 179% de aumento populacional, é o município que mais cresceu em 10 anos no estado do Rio, seguido por Casimiro de Abreu (55,3%), Carapebus (51,64%), Maricá (51,45%), Armação de Búzios (48,53%), Macaé (46,83%), Quissamã (43,66%) e Saquarema (40,67%). Já entre os municípios que tiveram uma redução no número de habitantes estão Miracema (- 2,73%), Petrópolis (- 3,04%), Niterói (- 4%), Laje do Muriaé (-5,41%) e Cantagalo (- 5,9%).

FONTE:
Secretaria de Comunicação Social
Departamento de Jornalismo

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.