Hospital Municipal passa a receber recursos do SUS

Credenciamento foi aprovado este mês e vai possibilitar a melhoria e ampliação dos serviços

Em reconhecimento ao padrão da unidade, o Ministério da Saúde concedeu, na última semana, o credenciamento ao Hospital Municipal de Rio das Ostras. Com isso, a unidade integra-se ao Sistema Único de Saúde – SUS e passa a contar com receita dos governos estadual e federal. O credenciamento permite a melhoria e ampliação dos serviços, como a criação de uma unidade de transfusão de sangue.

O criterioso processo de integração ao SUS começou em 2005. A unidade comprovou atender os padrões da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, tanto nos requisitos arquitetônicos, quanto de equipamentos e equipe técnica.

"Além de recebermos recursos do governo do estado e do Ministério da Saúde, o que garante a melhoria e manutenção da unidade, o credenciamento confere credibilidade aos nossos serviços", explica o Secretário de Saúde, Sérgio Manhães.

Outra vantagem é que a Rio das Ostras passa a receber de outras Prefeituras a verba relativa aos procedimentos de saúde realizados em benefício de moradores daqueles municípios.

"Com o credenciamento, o município tem garantido o ressarcimento por procedimentos de média e alta complexidade para moradores de outras cidades, como as cirurgias eletivas. A regulação dos serviços de saúde é uma determinação do Governo Federal e prioriza o atendimento aos riostrenses", explica a coordenadora da área de Controle, Avaliação e Auditoria da Secretaria de Saúde, Rosimeri Azevedo, a Rosinha.

Mais serviços – Estão integradas ao SUS as áreas de clínica médica, pediatria, cirurgia geral e obstétrica do Hospital Municipal. Em breve, a cirurgia ortopédica e a Unidade de Tratamento Intensivo, que já estão em funcionamento, serão incluídos.

O hospital também está preparado para contar com a primeira unidade transfusional do município. O credenciamento da unidade hospitalar era essencial para obter a permissão do Ministério da Saúde. Com a nova unidade, Rio das Ostras poderá realizar a transfusão e estoque de sangue e derivados, além de exames específicos. Os pacientes vão ter acesso mais rápido ao sangue e mais vidas serão salvas. O município aguarda a permissão do governo federal para instalar a unidade, o que deve ocorrer em breve. 

FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.