Chuva não prejudicou a alegria do Carnaval em Rio das Ostras

Nem mesmo a chuva tirou a disposição e alegria dos foliões no Carnaval 2008 de Rio das Ostras.

A programação variada agradou a todos os públicos e garantiu uma festa tranqüila com desfiles de blocos, escola de samba, shows, bailes e muita alegria.

O prefeito Carlos Augusto, presente na festa, exaltou a tranqüilidade e a alegria do carnaval na cidade.

– É muito bom ver um carnaval tão alegre e em paz como esse. Nem mesmo a chuva desanimou os foliões e as orlas estão lotadas. Esse é o espírito de festa da nossa cidade, com muita harmonia e felicidade – comentou.

Pop e rock no Carnaval

Não foi apenas samba e axé music que animou o Carnaval em Rio das Ostras. Todos os dias, após as aulas de lambaeróbica na Praia do Bosque, a banda Estrada de Terra empolgou o público com um som diferente. No repertório da banda de Rio das Ostras muito pop e rock n´roll para quem quis curtir um som diferente.

Programação nos bairros

No Praia Âncora o carnaval foi da família. Cerca de 300 pessoas por dia curtiram a festa, que aconteceu de domingo a terça-feira com shows variados.

Esta foi a programação que a Prefeitura de Rio das Ostras proporcionou em diversos pontos da cidade, a fim de manter a comunidade próximos das residências. O pedreiro Paulo Resende, morador do Âncora,  assistiu ao show no domingo com a mulher e sua filha de 7 anos. "Acho muito boa essa iniciativa de fazer o carnaval aqui no bairro. Assim as pessoas que moram por aqui não precisam ir até o Centro pra se divertir. Fica mais barato e mais cômodo", comentou o pedreiro.

A Prefeitura também garantiu a folia para os moradores de Cantagalo, área rural do município. Na Praça Waldemar Alves Barcelos, o Carnaval foi animado pela Banda MHZ no sábado e no domingo e pelo Grupo 2 x 4 na segunda e terça-feira.

Os freqüentadores de Mar do Norte também tiveram uma programação diferente neste Carnaval. Os banhistas aproveitaram a praia e puderam aprender as técnicas de dança de salão com o professor Cacau Mendes, e ainda curtiram shows no fim da tarde com bandas locais.

 

Escola de samba

A escola de samba Imperatriz de Rio das Ostras empolgou os foliões da orla do Centro, na noite de terça-feira. Os seus mais de 700 componentes mostraram o enredo "Sou índio, sou forte, sou Imperatriz – Guerreiro da paz e protetor da natureza".

Matinê

Durante os quatro dias de Carnaval, as crianças se divertiram nas matinês promovidas pela Prefeitura no Iate Clube Rio das Ostras. Animados pela Banda Batukada, os pequenos também caíram na folia.

Com muita segurança, pais e filhos brincaram no melhor estilo Carnaval em família. O prefeito Carlos Augusto também marcou presença no Iate Clube.

 

Blocana

No ano que comemora 26 anos de existência, o Blocana fez sua estréia na orla de Costazul. O bloco arrastou centenas de foliões, que dançavam embalados pelos tradicionais sambas-enredo tocados pela sua bateria, tradicional na cidade.

Shows em Costazul

Em Costazul, milhares de pessoas se divertiram durante todas as noites de Carnaval. As bandas Beijo de Mulher, Pizindim, Tribal e Bloco do Vigário animaram os foliões, que puderam curtir um Carnaval com muita alegria e segurança.

Segurança e saúde

As Secretarias de Guarda e Trânsito e Saúde divulgaram um balanço parcial do trabalho no Carnaval e o saldo foi bastante positivo.

O Carnaval em Rio das Ostras foi tranqüilo e a maioria das ocorrência foi devido ao consumo excessivo de bebida alcoólica, que mesmo assim não provocaram resultados graves.

O número de ocorrências registradas pela Guarda Municipal de sexta à terça-feira, diminuiu em 18% em relação ao ano passado. A maioria delas para controlar brigas, combater carros de som e localização de crianças perdidas.

Os acidentes de trânsito também diminuíram este ano. Em 2007 foram registrados 50 acidentes e este ano apenas 33.

Segundo o secretário de Guarda e Trânsito, Sérgio Pinto, o trabalho foi eficiente. "Apesar da cidade ter ficado muito cheia, tivemos um Carnaval mais tranqüilo que o do ano passado, podemos ver isso pelo número de ocorrências. Trabalhamos muito mas estamos satisfeitos com os resultados positivos".

Os profissionais de saúde de Rio das Ostras também tiveram muito trabalho, mas a descentralização das equipes que foram distribuídas nos pontos de maior concentração da cidade obteve resultados positivos.

As duas equipes de Resgate fizeram 95 atendimentos durante os quatro dias de Carnaval. E o pronto-socorro municipal registrou 2.424 atendimentos.
 
FONTE: SECOM – PMRO. 

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.