Secretaria de Segurança Pública realiza operação contra motos irregulares

Secretaria de Segurança Pública realiza operação contra motos irregulares
Ação aconteceu em diferentes horários e pontos do Município
A Secretaria de Segurança Pública de Rio das Ostras, por meio da Guarda Civil Municipal, realizou nesta quarta-feira, dia 3, uma operação itinerante e integrada, com objetivo de ordenar o trânsito e coibir irregularidades cometidas por motociclistas.

Na ação foram apreendidas 17 motocicletas, na sua grande maioria, por ausência de placas, ou com fitas escondendo os números de identificação do veículo. É importante destacar que os condutores dos veículos flagrados sem placa também foram conduzidos à 128ª Delegacia de Polícia de Rio das Ostras, pelo crime previsto no Código Penal, no artigo 311.

Também segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir veículo automotor sem uma ou qualquer uma das suas placas de identificação caracteriza infração gravíssima, com multa de R$ 293,47, além de retenção ou recolhimento do veículo.

A operação contou também com o apoio de policiais do Programa de Integração na Segurança (Proeis), dos departamentos de Trânsito e do Grupamento de Operações Especiais (Goe) e de viaturas da Polícia Militar.

Para o secretário de Segurança Pública, Marcus Rezende, essa situação com motos irregulares contribuiu para aumentar a desordem no trânsito.

“O objetivo da operação é dar ordenamento e fazer com que as leis de trânsito sejam cumpridas. Estamos trabalhando principalmente para tirar de circulação essas motos irregulares, na grande maioria sem placas, e que estão causando o caos na Cidade”, destacou Marcus Rezende.

DADOS- Em matéria publicada na grande mídia no começo de julho, os dados obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação mostram que de janeiro a maio deste ano, o número de infrações envolvendo veículos circulando sem placas no Estado do Rio aumentou 73% em relação ao mesmo período de 2021.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.