Rio das Ostras representa o Brasil em congresso internacional de Meio Ambiente

                                                Evento aconteceu no Equador com a presença do prefeito Carlos Augusto

Rio das Ostras foi um dos destaques no 1º Congresso Internacional de Meio Ambiente, realizado do dia 27 de novembro até esta sexta-feira, 30, em Cuenca, no Equador, com a presença do prefeito Carlos Augusto.  O município, único a representar o Brasil no evento, foi selecionado para apresentar o programa Rede de Educadores Ambientais de Rio das Ostras (Rearo).

 

O congresso teve ainda a participação dos secretários municipais Max José de Almeida (Meio Ambiente), Márcia Almeida (Bem-Estar Social), Maria Lina Paixão (Educação), além da diretora da Casa da Educação, Edilane Carvalho, da subsecretária de Educação, Rosangela Faria, e dos vereadores Orlando Ferreira Neto e Alcemir Jóia.

– Foi uma grande oportunidade  para trocar experiências sobre políticas sócio-ambientais. Aqui vimos que estamos no caminho certo e o quanto nossas ações em prol do meio ambiente estão avançadas – destacou o prefeito, referindo-se ao grande interesse dos participantes do congresso pelo projeto de Rio das Ostras.

O programa foi apresentado por uma das integrantes do Núcleo de Educação Ambiental, a bióloga Cláudia Correa, nesta quarta-feira, dia 28. Ela explicou que o Rearo tem como objetivo divulgar as ações sócio-ambientais desenvolvidas nas escolas de Rio das Ostras em parceria com a comunidade, ONGs e universidades.

A divulgação das ações do Rearo acontece por meio do site criado pelos alunos do Programa Pró-Interação (Print), sob a coordenação do gestor de informática da Secretaria de Educação, Jhonny   Monteiro.

– Temos um trabalho muito representativo na área ambiental que vem alcançando grandes resultados junto a nossos alunos – avaliou a secretária de Educação, Maria Lina.

 

REARO –  A Rede de Educadores Ambientais é mantida pelo Núcleo de Educação Ambiental, uma parceria entre as Secretarias de Educação e de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca. O projeto foi criado em 2006 pelas integrantes do Núcleo Cláudia Correa, Eliane Camacho e Celma Andrade.

O conteúdo do programa pode ser acessado em educacao.riodasostras.rj.gov.br/rearo . O site apresenta as ações desenvolvidas nas escolas do município, projetos, programas e leis ambientais, além de proporcionar a possibilidade de intercâmbio por meio do grupo de discussão virtual.

– O internauta poderá se cadastrar em nossa página e se tornar um membro da rede de educadores – explicou Cláudia Correa.

 

INTERCÂMBIO EDUCACIONAL – Durante a visita ao Equador, o prefeito Carlos Augusto e seu grupo também visitaram a Escola Vespertina e Jardim de Infância Fernando Pons, em Quito. O objetivo foi conhecer um pouco do projeto educacional daquele país. Eles foram recebidos pela diretora da escola, Elisa Gaibar, que também se interessou por saber mais sobre o programa de educação ambiental desenvolvido em Rio das Ostras.

 FONTE: SECOM – PMRO.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.