Rio das Ostras inicia festividades de aniversário com arte para todos

Prefeito Sabino abre evento neste feriado anunciado mais investimentos para Cultura no próximo ano

Rio das Ostras está respirando arte. Começou nesta quarta-feira, 10, as comemorações do seu 21º aniversário de emancipação político-administrativa. A festa inovadora, que tem como tema “Cidade-Mãe”, foi aberta com uma exposição que conta a história dos primeiros habitantes, os Sambaquianos, e de personalidades importantes na história do Município. Apresentações de diversos estilos musicais, teatro e dança acontecem até domingo, 14, na Praça São Pedro, no Centro.

Depois de anunciar um investimento de R$ 15 milhões para a cultura em 2014, Sabino diz que a festa é a oportunidade de mostrar à juventude que Rio das Ostras tem muitos motivos para se encantar. “Quero fazer um convite aos jovens. Olhem cada detalhe desta exposição e se apaixonem por este lugar que tem uma belíssima história. Talvez os grandes shows da mídia não substituam este momento que nos coloca íntimos de nossa história. Apreciem nossos artistas, aplaudam e vivam este momento de forma única”, disse o prefeito.
Quem chega à festa se depara com obras que representam os grandes eventos promovidos na cidade todos os anos, como as urnas em formato de peixe que receberam os votos da população nos participantes do Festival de Frutos do Mar. Outra grande novidade é a árvore confeccionada pelos artistas da Fundição Artes e Ofícios que possui como raiz a rede que os pescadores utilizam em seu cotidiano. No caule, peças dos Jazz & Blues e do Carnaval. Nas folhas, fotos antigas retratam o desenvolvimento da Cidade antes mesmo de ser emancipada representando que Rio das Ostras gerou bons frutos ao longo dos anos.
Segundo o presidente da Fundação Rio das Ostras de Cultura, Cosme dos Santos, são as pratas da casa parabenizando a cidade no dia do aniversário. “Ninguém melhor do que os filhos desta cidade para presenteá-la. Cada quadro, peças, livros e fotos, aqui expostos, são de pessoas que contribuem para a geração da arte de Rio das Ostras. Desde que assumimos a Administração Pública nos comprometemos de aproximar os artistas dos eventos”, explica.
A Cia de Dança Baía Formosa e o grupo de Música de Câmara, ambos do Centro de Formação Artística de Rio das Ostras, foram os primeiros a se apresentar logo após a abertura da Exposição. Em seguida, a Orquestra Asafe, da Igreja Assembleia de Deus, emocionou o público executando música clássica e erudita.
Ana Cláudia Santos aprova a iniciativa. “Música de qualidade que ultrapassa gerações e eleva nosso espírito. Fico aqui a noite toda se for possível apenas para apreciar os espetáculos. Caminhar pelo Centro de Rio das Ostras é totalmente engrandecedor. Eu não sabia que tínhamos tantos talentos locais”, conta.
PONTO DE LEITURA – Rio das Ostras inaugurou na noite do dia 10 seu primeiro Ponto de Leitura. A Casa de Leitura Casimiro de Abreu, do projeto Leitura Viva do Governo Federal, está instalada na Casa de Cultura Bento Costa Junior, no Centro. O objetivo é incentivar as crianças a lerem mais e se identificar com o mundo lúdico.
ESTANDES – Dois estandes chamam a atenção dos visitantes. Um conta a história dos Sambaquianos e sua cultura e o outro da Fundição Artes e Ofícios com exposição de peças da luteria e artes plásticas.
PROGRAMAÇÃO – Shows de vários estilos musicais serão apresentados na Concha Acústica, sempre a partir das 20h30. Na quinta-feira, 11, a banda Cariobah, formada por quatro mulheres, mostrará seu repertório de MPB. No mesmo dia, cantoras que participaram do evento musical “Ser Mulher”, ocorrido no Dia da Mulher na cidade, também soltarão suas vozes logo após a apresentação do grupo de dança de salão Jéssica Luz. Na sexta, 12, é a vez do chorinho do grupo “Só pra Moer” e do samba de raiz da “Água de Mina”. Sábado, 13, a banda Stradah de Terra, mostra o melhor do pop rock após a apresentação do Nograu-rap e da Cia Expressão Humana Hip Hop. No domingo, 14, a criançada se divertirá com apresentações de grupos de práticas circenses, a partir das 16h.

FONTE:
Departamento de Jornalismo
Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.