Prefeito Sabino recebe reconhecimento da imprensa por sucesso do Festival de Jazz

Em entrevista, prefeito destaca importância de eventos que tragam retorno econômico e destaquem a cidade no cenário turístico

A participação significativa dos jovens durante a 11ª edição do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival e a interatividade que proporcionou coberturas dos shows, ao vivo, para quase 40 países, foram alguns dos pontos destacados pelo prefeito Sabino em coletiva de imprensa realizada durante o evento. O Festival se soma a uma série de iniciativas culturais do Município. “Queremos caracterizar Rio das Ostras como a cidade da arte e da cultura”, disse o prefeito.

“Posso dizer que o Festival é um recomeço que nos impõe um desafio positivo. O esforço para a realização do evento foi muito grande, mas estamos felizes. O Rio das Ostras Jazz & Blues foi um sucesso, o que representa um ganho tanto financeiro quanto turístico para a cidade”, considerou Sabino que, na ocasião, também falou sobre as melhorias na estrutura do evento.
Este ano, a Prefeitura montou um cenário especial, que trouxe um clima de Nova Orleans para a Cidade do Jazz, em Costazul. Também foi instalado um piso de material reciclável, que permitiu acessibilidade aos cadeirantes e mais conforto ao público.
“Como gestores públicos, temos que preparar a cidade, ter planejamento e garantir a qualidade para quem mora em Rio das Ostras e para quem nos visita”, enfatizou o prefeito.
Jornalistas da Grande Mídia e da imprensa especializada acompanharam todo o festival e reconheceram a evolução do evento. Antônio Amaral, da revista Rolling Stone, especializada em música, elogiou as mudanças. “Participo há seis anos e a cada ano que passa, observo que o evento melhora e crescem as novidades. Este ano, tanto a programação dos shows, quanto o espaço e as instalações estavam prefeitas”.
TURISMO E CULTURA – O prefeito Sabino falou sobre sua preocupação com a perda dos royalties. Segundo ele, Rio das Ostras está sendo preparada para ter o Turismo como sua principal fonte de receita.
“O Festival é imprescindível hoje na economia da cidade. E buscamos através do evento fortalecer a identidade turística de Rio das Ostras. Para isso, serão realizados investimentos na área cultural a fim de preparar a cidade para a realização de novos eventos em parceria com a iniciativa privada, assim, o município não dependerá tanto dos royalties”, disse.
A Prefeitura planeja reavivar o Festival de Dança da cidade com a apresentação do famoso Balé Bolshoi. Também existe o projeto de realizar junto com o Festival de Frutos do Mar um festival de Bossa Nova.
EDIÇÃO 2014 – A secretária de Turismo, Carla Ennes, falou sobre algumas ações que serão realizadas para o próximo ano. “Vamos trabalhar em cima dos dados da pesquisa que foi realizada durante o Festival, aprimorando o que for necessário. Já sabemos que precisamos repensar o tamanho do evento, assim como o número de banheiros, lixeiras, além de melhorar a sinalização”, disse ela.
Também presente à coletiva, o produtor Stenio Matos reforçou o empenho em melhorar o evento para o próximo ano. ”Certamente teremos novidades para 2014”, concluiu.

FONTE:
Departamento de Jornalismo
Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.