Pescadores são resgatados no mar em Rio das Ostras

Um grupo de sete pessoas, que havia saído para pescar, foi resgatado na madrugada de domingo, a 25 km da costa de Rio das Ostras (RJ), após ficar à deriva no mar. O resgate foi realizado por homens do Departamento de Proteção Ambiental e da Defesa Civil da Secretaria de Guarda e Trânsito da Prefeitura de Rio das Ostras.

Estavam no barco, o proprietário da embarcação, Aluísio Xavier, e os pescadores, que são de Cordovil (RJ): Nilton Pereira, Antônio Carlos Dias, Alfredo Thomé de Castro, Edson Gonçalves da Silva, Reinaldo Cardoso dos Santos e Gilson Inácio da Silva.

Os pescadores saíram do Iate Clube de Rio das Ostras às 5 horas de sábado.

Por volta das 10 horas, tiveram problemas com o motor do barco e ficaram à deriva. Como a embarcação que eles estavam não possui rádio-comunicador, os pescadores usaram telefones celulares para entrar em contato com o Iate Clube, que acionou a Secretaria de Guarda e Trânsito para fazer o resgate do grupo.

O resgate foi comandado no mar pelo diretor do Departamento de Proteção Ambiental, Sargento Rangel, e em terra, pelo diretor da Defesa Civil, Werther de Albuquerque Lima. O grupo chegou a Rio das Ostras por volta de 1h30 de domingo. Eles desembarcaram no bairro da Boca da Barra, onde uma ambulância aguardava por eles. Todos os pescadores tiveram a pressão arterial aferida pela equipe da Secretaria de Saúde. Edson, que é diabético e estava com a pressão alta, foi encaminhado ao Pronto Socorro Municipal para novos exames, mas não foi constato nada mais grave. Ainda no domingo, o grupo voltou para Cordovil.

Os pescadores contaram que já haviam saído diversas para pescar em Rio das Ostras, no mesmo barco e que nunca tinham tido nenhum problema. Eles disseram ainda que não sabiam que o barco não possui rádio-comunicador e que durante as 12 horas que ficaram à deriva enfrentaram frio e muita chuva.

FONTE: SECOM – PMRO.

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.