Novas inscrições para cursos

Qualificação Profissional ajuda moradores de Rio das Ostras a entrar no mercado de trabalho

Programa da Prefeitura já disponibilizou mais de 4  mil vagas e abre novas inscrições para cursos nesta segunda-feira, dia 16

Desempregado e sem poder pagar a mensalidade da faculdade, o técnico em eletricidade Felippe da Silva Sobrinho, de 24 anos, decidiu se inscrever no Programa Municipal de Qualificação Profissional da Prefeitura de Rio das Ostras. Felippe se formou como saloneiro e logo conseguiu ser contratado pela Petrobras. A mesma oportunidade de aprender uma nova profissão será oferecida a outros moradores da cidade a partir desta segunda-feira, dia 16, quando começam as inscrições para novos cursos do Programa, que já disponibilizou 4,2 mil vagas desde março de 2007.

"A qualidade do curso é excelente e tudo que aprendi estou colocando em prática no meu trabalho. O fato do curso ser ministrado por uma instituição reconhecida, como o Senac, valorizou ainda mais o meu currículo. Consegui realizar o sonho de reingressar no mercado de trabalho e o próximo passo será reiniciar a Faculdade de Exploração de Petróleo", planeja Felippe.

Programa – Com o objetivo de preparar os moradores da cidade para o mercado de trabalho, a Prefeitura de Rio das Ostras vem investindo no Programa Municipal de Qualificação Profissional. No ano passado foram oferecidas 3.036 vagas em cursos nas áreas de indústria, comércio, serviço, informática e construção civil ministrados por instituições renomadas como Senai, Cefet, Sesi e Senac. Em 2008 serão 48 diferentes cursos, totalizando 264 turmas e 6005 vagas, 1.187 delas já disponibilizadas nas primeiras duas fases do programa. O edital da terceira fase vai estar disponível a partir de segunda-feira no site www.riodasostras.rj.gov.br/sect.

Quem participa do Programa e faz cursos com carga horária a partir de 40 horas e dos cursos ministrados no Centro Municipal de Qualificação Profissional, na Zona Especial de Negócios de Rio das Ostras, ou fora do município tem direito ao Auxílio Qualificação. Criado  pela Prefeitura com o objetivo de ressarcir gastos com transporte, alimentação e materiais didáticos, o auxílio é pago de acordo com a modalidade do curso e a freqüência do aluno, que pode receber entre R$10 e R$20 por dia de aula freqüentada.

Oportunidades – Muitas pessoas que participaram do Programa de Qualificação Profissional da Prefeitura conseguiram entrar no mercado de trabalho. Foi assim com Rafael da Silva Jardim, de 23 anos, que se formou nos cursos de solda 3G e 6G. "Eu ainda não tinha uma profissão e o fato das aulas serem gratuitas e ainda recebermos o auxílio qualificação possibilitou que eu fizesse o curso e ainda pagasse o transporte e o lanche", conta.

Enquanto Rafael já entrou no mercado de trabalho, outros se preparam para conseguir a mesma oportunidade. Casada e mãe de dois filhos pequenos, Queila de Oliveira Araújo, de 27 anos, buscava uma profissão na qual pudesse conciliar os cuidados com a casa e as crianças. Aluna do curso de manicure ministrado no Centro Municipal de Qualificação Profissional, Queila já está começando a atender os primeiros clientes. "No futuro, quando meus filhos estiverem maiores, poderei abrir um salão de beleza", sonha.

Aluna do 1º ano do Ensino Médio, Ariane Ribeiro, de 16 anos, não esperou concluir os estudos para buscar a profissionalização. No horário da tarde ela faz curso de Informática Administrativa e já vislumbra muitas possibilidades de emprego. "Poderei atuar em escritórios, consultórios médicos, em empresas de diferentes ramos", diz Ariane.


FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.