Grupo de Apoio de Rio das Ostras explica projeto de apadrinhamento

A reunião acontecerá no dia 31, às 18h30, no prédio anexo a Igreja Matriz, no Centro da cidade

O Grupo de Apoio à Adoção de Rio das Ostras – ADOTE – começa o ano com uma boa novidade para as crianças e adolescentes abrigados: a implantação do Projeto de Apadrinhamento.

Na reunião, dia 31 de janeiro, a diretoria do grupo vai explicar como se pode construir vínculos saudáveis com pessoas que não estão inseridas nos programas de acolhimento institucional, mas que possuem disponibilidade emocional e/ou financeira suficiente para proporcionar uma melhor qualidade de vida para as crianças e adolescentes abrigados, por meio do respeito aos direitos fundamentais e do pleno exercício da sua cidadania.

O Projeto Apadrinhar busca unir as duas pontas, próximas e que por razões diversas não se encontram: quem quer ajudar e quem precisa receber essa ajuda. Busca formar um laço direto entre o padrinho/madrinha e a criança/ adolescente, construindo laços de afeto, apoio material, com possibilidades de amparo educacional e profissional.

Segundo a presidente do ADOTE, Tânia Saldanha, o grupo está se preparando para implantar o Projeto em Rio das Ostras e vai aproveitar a reunião mensal para tirar dúvidas das pessoas interessadas.

O ADOTE faz reuniões mensais gratuitas, sempre na última segunda-feira do mês, e discute assuntos relacionados ao tema adoção. O Grupo também está apto a esclarecer dúvidas a respeito do processo de adoção e tem à disposição, literatura sobre o tema.

A reunião acontecerá no prédio anexo a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição que fica na Rodovia Amaral Peixoto, 4565 – Centro. Mais informações pelo telefone (22) 2764-7752 ou pelo e-mail: adote@adote.net

FONTE:
Valéria Pinheiro
Assessora de Imprensa

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.