Escola da Rede Municipal faz trabalho de prevenção contra as drogas

Alunos em situação de risco são orientados em reuniões semanais

Dois meses de encontros semanais já estão transformando as vidas de 18 estudantes da Escola Municipal Francisco de Assis Medeiros Rangel, em Rio das Ostras. As reuniões, destinadas a alunos entre 11 e 14 anos em situação de risco social, têm o objetivo de conscientizar sobre os prejuízos do envolvimento com drogas e suas conseqüentes ligações com o crime e a violência. Tudo isso a partir de dinâmicas, vídeos, músicas e, especialmente, muito diálogo.

O projeto da professora Fernanda Rezende, orientadora pedagógica da escola, está permitindo que os alunos aumentem a auto-estima e vislumbrem boas perspectivas de futuro. "Queremos dar esperança para esses meninos e meninas, possibilitar que conheçam um caminho diferente, de esperança", afirma a educadora.

Com 14 anos, o estudante A.M. conta que é difícil resistir às influências negativas. A partir do projeto, no entanto, ele descobriu que não apenas deve se libertar dessas influências como, ainda, ajudar os amigos. "Com os encontros daqui entendi que posso aconselhá-los a não entrar numa parada errada", conta.

O aluno C.S., de 14 anos, chegou ao grupo sem planos para o futuro. Estava repetindo há quatro anos a 4ª série do Ensino Fundamental e era agressivo com colegas e professores. Hoje, com boas notas e tranqüilo, ele sabe exatamente o que deseja. "Quero ser jogador de futebol", diz C.

Segundo a professora Fernanda, todas as mudanças que começam a acontecer aos poucos partiram da confiança depositada nos alunos. "Identifiquei no olhar de cada um deles um grito de socorro e uma necessidade de alguém que não apenas lhes transmitisse conhecimento, mas, acima de tudo, os amasse e acreditasse neles", conclui.

 

 

FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.