Dia Mundial da Gentileza é festejado em Rio das Ostras

Tema motiva reflexão de alunos e inspira apresentações artísticas

Pequenos gestos de atenção, cortesia e cordialidade podem mudar o mundo. Acreditando nisso, um grupo com representantes de vários países reunido em Tóquio, no Japão, lançou o Dia Mundial da Gentileza, comemorado em 13 de novembro. Em Rio das Ostras, a data foi celebrada nesta quarta-feira na Escola Municipal Nilton Balthazar, localizada no Jardim Mariléa.
O projeto “Gentileza gera Gentileza” envolveu alunos dos Anos Finais do Ensino Fundamental, mobilizando professores de diferentes disciplinas. Esquetes teatrais, músicas, coreografias e vídeos desenvolvidos pelos alunos e inspirados no tema foram apresentados ao longo do dia na unidade de ensino.
“Acredito que a gentileza pode mudar o mundo sim. Procuro sempre ser gentil e cumprimento as pessoas na rua. Outro dia passei por uma senhora com a fisionomia fechada e, quando falei bom dia, ela abriu um sorriso e me saudou também”, conta Sthefanie Sampaio, de 13 anos, aluna do 7º ano.
Junto com outros estudantes da Nilton Balthazar, a jovem Stephanie frequenta as aulas de Ensino Religioso que são facultativas e acontecem no contraturno. Nos encontros, o professor Francisco Terceiro da Cunha fala de valores universais presentes em todas as crenças como paz, respeito, diálogo, cooperação, solidariedade.
“Procuramos mostrar aos alunos a importância dos pequenos gestos. A gentileza seria tema de uma aula, mas despertou tanto interesse que teve continuidade, envolvendo toda a escola. Hoje, no Dia Mundial da Gentileza, estamos celebrando a culminância desse projeto”, conta Francisco.

POLOS – A Rede Municipal de Ensino de Rio das Ostras conta com dois polos de Ensino Religioso. Um deles na escola Nilton Balthazar e outro na Maria Teixeira de Paula, no Jardim Campomar. Este último é coordenado pela professora Eveline Santana, que também trabalhou a temática da gentileza com seus alunos. Os professores de Ensino Religioso integram a equipe da Casa da Educação.

FONTE:
Departamento de Jornalismo
Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.