Carlos Augusto cobra urgência da Petrobras

Carlos Augusto cobra urgência da Petrobras no convênio para duplicação da Rodovia Amaral Peixoto

Projeto prevê investimento de cerca de R$ 120 milhões para obras no trecho entre Costazul, em Rio das Ostras, e Macaé

O prefeito de Rio das Ostras, Carlos Augusto, se reuniu ontem, dia 6, com representantes da Petrobras para pedir agilidade na negociação do convênio para a duplicação da Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), no trecho entre Costazul, em Rio das Ostras, e Macaé. O acordo precisa ser fechado até o dia 4 de julho para que possa ser executado até o fim do ano, por conta das restrições impostas pela legislação eleitoral.

– Estamos pedindo que a Petrobras tenha todo o empenho possível para firmarmos essa parceria até o fim do mês. É um projeto de cerca de R$ 120 milhões, com participação do governo do Estado do Rio de Janeiro e a Prefeitura de Rio das Ostras que será essencial para o desenvolvimento não só do nosso município, como de toda a região. Temos confiança de que esse pedido seja atendido o mais rápido possível – comentou o prefeito.

Na terça-feira, um novo encontro, dessa vez com a presença do gerente geral da Petrobras, Carlos Eugênio, pode definir a parceria. Nas negociações envolvendo o Governo do Estado, através do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e a Prefeitura de Rio das Ostras e a empresa, a Petrobras seria responsável pelo fornecimento do asfalto necessário para duplicar o trecho, que tem cerca de 14 quilômetros.

– Temos um prazo apertado por causa das exigências da lei eleitoral, mas tanto a Petrobras quanto a Prefeitura de Rio das Ostras estão se esforçando para fechar o acordo a tempo, já que a duplicação é muito importante para a região – afirmou Lincoln Weinhardt, gerente de comunicação da empresa.

Participaram também da reunião o vice-prefeito de Rio das Ostras, Ronaldo Fróes, o presidente da Câmara Municipal, Carlos Afonso, e os secretários de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, Ivan Noé, e de Desenvolvimento Negócios e Petróleo, Dowsley de Oliveira.


FONTE: Secretaria de Comunicação Social

Ronet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.