Rio das Ostras . Net



twiiter RSS FEED 2.0 facebook
303x130 painelMobile costazul area

De olho nas compras antecipadas, comerciantes de Rio das Ostras adiantam Black Friday para 15 de novembro

Bazar Prime, que acontecerá na Praça São Pedro até o dia 18 de novembro, terá queima de estoque a preços imperdíveis

Segundo pesquisa de marcado, cerca de 38% dos consumidores brasileiros compram no período que antecede a data oficial da Black Friday. E de olho nestes compradores, comerciantes de Rio das Ostras anteciparão as ofertas atrativas desta data. Eles vão se reunir entre os dias 15 e 18 de novembro, na Praça São Pedro, no Centro, para o Bazar Prime com produtos do vestuário, calçados e acessórios, uma verdadeira queima de estoque antecipado para os consumidores da região. O evento funcionará das 14 às 22 horas e a entrada é gratuita.

 

 

Ao antecipar as ofertas, a expectativa dos quase 30 lojistas da cidade, que estarão em um mesmo lugar, facilitando a pesquisa de preço, é fisgar o comprador antes da concorrência. Isso porque a Black Friday é responsável por movimentar a economia, dar um fôlego a mais a alguns empresários e zerar os estoques das lojas que serão renovados para Natal e Ano Novo, aumentando a expectativa de lucros até o final do ano.

 

 

Para as organizadoras Joana Cruz e Mariza Gomes, a Black Friday já é uma realidade na economia do Brasil e o Bazar Prime vem estimular ainda mais as compras. “Quem tiver os melhores produtos e souber fazer um bom marketing, atraindo o público levará vantagem. Basta olhar os números e observar que as pessoas estão dispostas a comprar nesta época do ano”, disseram.

 

 

Em 2017, a data movimentou cerca de R$ 2 bilhões e, por causa desse bom desempenho, a expectativa para 2018 é ainda maior. A intenção é de que, em todo Brasil, a Black Friday deste tenha um crescimento de 19% no faturamento em relação a 2017, devendo ultrapassar os R$ 2,5 bilhões.

 

 

O Bazar Prime é uma realização da Promover Eventos com lojistas da cidade e tem o apoio da Prefeitura de Rio das Ostras.

 

FONTE: Magno Lopes

Imprimir Email