Rio das Ostras . Net



twiiter RSS FEED 2.0 facebook
303x130 painelMobile costazul area

Profissionais da Secretaria Municipal de Educação de Rio das Ostras participam de curso no Rio de Janeiro

 Técnicos da Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer de Rio das Ostras participaram, no dia 13 de maio, do Curso “Automutilação sem intenção suicida”, no Rio de Janeiro.

O evento foi ministrado por Carlos Henrique de Aragão Neto, uma das mais importantes referências brasileiras em Automutilação Sem Intenção Suicida (ASIS).

 

O curso foi motivado pela preocupação com a crescente demanda no cenário educacional no Brasil e no mundo sobre o tema. Psicólogo e Psicoterapeuta, Carlos Aragão é especialista em terapia de Luto; Mestre em Antropologia (UFPI); Doutor em Psicologia Clínica e Cultura (UnB) e membro da IASP (International Association For Suicide Prevention); da ISSS (International Society For The Study Of Self-Injury); e da ABEPS (Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio). 

 


A participação nesses eventos, principalmente por profissionais da Saúde e da Educação, é necessária. “Buscar entender esse fenômeno e se capacitar para oferecer a quem sofre um atendimento adequado é muito importante”, diz Carla Costa, coordenadora da equipe de Orientadores Educacionais da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer de Rio das Ostras.

 

 

A Automutilação Sem Intenção Suicida (ASIS) refere-se a uma lesão causada no corpo pelo próprio indivíduo, sem a intenção suicida. É considerada em todo o mundo um importante fator de risco para o suicídio, pois há uma relação entre histórico de ASIS e histórico de tentativas de suicídio.

 

 

A maioria dos que praticam Automutilação Sem Intenção Suicida (ASIS) relatam fazer o dano para aliviar uma dor emocional com a qual não conseguem lidar, mas as motivações são diversas.

 

FONTE: ASCOM - PMRO.

Imprimir Email

Anúncios

Anúncios