Rio das Ostras . Net



twiiter RSS FEED 2.0 facebook
303x130 painelMobile costazul area

Rio das Ostras tem Dia D de Combate à AIDS

Ação aconteceu nesta sexta-feira na Praça José Pereira Câmara e na Igreja Nossa Senhora da Conceição

Mais um momento de mobilização em prol da Saúde da população. Nesta sexta-feira, dia 6, Rio das Ostras teve o Dia D de Combate à AIDS. A ação aconteceu na Praça José Pereira Câmara e na Igreja Nossa Senhora da Conceição, no Centro, com participação de aproximadamente 30 pessoas entre profissionais da Saúde, acadêmicos, professores e voluntários.

 

Na ocasião foram distribuídos folhetos informativos e preservativos, além da oferta de testes rápidos para HIV/AIDS. Até às 15h desta sexta, foram realizados 100 testes. A mobilização da Secretaria Municipal de Saúde contou com a parceria da Pastoral da Aids, Universidade Federal Fluminense – UFF Rio das Ostras, Conselho Gestor do SAE, CENEC e do Grupo Ostras G, que é uma Ong LGBT.

 

De acordo com a coordenadora do Programa Municipal IST/HIV/AIDS/Hepatites Virais de Rio das Ostras, Bianca Monteiro, as ações terão continuidade durante todo o mês de dezembro, com atividades em diversas Unidades de Saúde do Município.

 

Ela destacou que o Município vem acompanhando a situação no país e em Rio das Ostras também ocorre um crescimento de pessoas com diagnóstico positivo para HIV, na faixa de 15 a 30 anos de idade, sendo adolescentes, jovens e adultos jovens. Além de homens que fazem sexo com homem (chamados HSH) e idosos, na maioria mulheres.

 

“Essa ação é importante, pois muita gente não se testa e, como trata-se de uma doença crônica, quanto antes iniciar o tratamento é melhor para qualidade de vida e evita a transmissão”, ressaltou Bianca, pontuando que em campanhas como essa 10 a 15% das pessoas são identificadas com resultado positivo.

 

A moradora de Costazul e coordenadora comercial, Cristiane Moura, apoia a campanha e disse que este tipo de ação preventiva é fundamental para a saúde da população. “Fui abordada aqui no Centro e aproveitei a oportunidade para fazer o teste. É um acesso a mais, pois muitas pessoas não sabem onde fazer ou não vão por vergonha. Achei ótima essa abordagem”, acrescentou Cristiane.

 

Na próxima terça-feira, dia 10, também será realizada uma capacitação sobre HIV/AIDS para médicos e enfermeiros da Rede Municipal de Saúde.

 

FONTE: ASCOMTI - PMRO.

Imprimir Email

Anúncios

Anúncios